Author Archives: isadoi

eu não…

Eu não me importo mais. Juro isso todo dia; não pode ser coincidência, pode? Eu não quero mais. Em voz alta soa tão confiante, não deve ser mentira, deve? Eu não mereço mais. Faz do  meu amor próprio tão forte, não é possível que por um momento isso não valha, é? Eu não acredito mais.…

Continue Lendo →

decision

Ele entrou em casa e pôs-se a chorar. Tentou se convencer de que tudo que é bom, um dia têm de acabar. Fora ele quem tomara a decisão, não havia o que questionar, mas ele sente, e sentia muito. Vê-la chorar não estava em seus planos e isso o tocou. Senti-la lutar para que não…

Continue Lendo →

conhecido, desconhecido

Sentei naquele lugar, parecia que todos me observavam, era angustiante – sabe quando você entra nos lugares tediosos e todos se viram, observando cada passo seu? Cada movimento feito era pensado com tanto cuidado, como se aquilo fosse importante – mas nem ouse em pensar que era algo de fato, importante; eu estava somente em…

Continue Lendo →

rima da tristeza

Talvez um amor sozinho Um desenho sem cor Não ter vizinhos A tristeza trás a dor Como uma flor sozinha, chora Um lobo sem matilha, se exclui No pé, uma única amora Como todos, você se diminui (by Flávia 💗)

Continue Lendo →

prazer, a sua liberdade

Dizem que a nossa liberdade vai até o ponto em que não afetamos a liberdade do outro, mas algo de errado tem aí. O seu poder de ir e vir, o seu poder de fazer escolhas, ele está me afetando, está afetando a minha liberdade de ter algo com você, e isso que você mal…

Continue Lendo →

tempo//fogo

É aquele velha história, se o fogo acabou, não adiana tentar reacender. Ontem eu tive uma aula sobre isso, o que foi estranhamente legal. Tudo chega, em algum momento, no ponto de precisar de tempo; e talvez esse tempo necessário, seja mesmo, necessário, e não só uma indicação. Quando o almoço esfria, se esquentarmos, ele…

Continue Lendo →

sumir

As piores fases são aquelas que perdemos tudo e nem nos encontrar conseguimos. Acho que já disse tantas vezes que me desencontrei, que já me perdi nas vezes que falei que já havia me encontrado sem ao menos ter me perdido – espero que faça sentido. O pior de tudo foi te ver hoje e…

Continue Lendo →

desabafos by mundinho

Sabe aquele relacionamento que todos dizem que a culpa é da outra pessoa, por ter iludido, por ter quebrado um coração, por ter despedaçado esperanças, por ter  feito tudo errado? Por favor, né! A culpa é minha, toda minha! A que ponto cheguei? Me desvalorizando tanto tendo um relacionamento que chegou a esse ponto, deixando…

Continue Lendo →

eu me apaixono by someone

Me apaixono por você a cada dia, de repente, a cada segundo, gradativamente e de uma hora para outra. Você sempre foi meu erro, minha dor, meu acerto, minha cura, meu sorriso, minha metade, meu choro, meu tudo e meu nada. Você me completa, você é você e isso é o bastante. Você é errado,…

Continue Lendo →

Oh moça, por favor!

  Oh moça, por favor! Tais doente? Fica aí, só pensando, vagando, como se tivesse dormindo. Tais doente? Oh, moça. Por favor! Olhe essa natureza que te rodeia. Olhe esse paraíso. Tudo ensolarado, e você aí, num mundo nublado, em virtude da tristeza. Eu li você dizer que não deixaria ela entrar, mas volta e…

Continue Lendo →

Page 2 of 7