lá de novo

Tu me faz flutuar, sem saber o que pensar e quando penso, penso em te amar, mas aí penso em não te olhar, para não flutuar e, do nada, lá de novo, estou eu: olhando, flutuando, pensando; amando!

Leave A Response

* Denotes Required Field