¿qual o sentido?

IMG_3533

Eu estava aqui, esperando uma explicação, e eu tenho fantasmas sussurrando coisas, desde então…

Você poderia ter dito partir,

Ter dito que nada disso ia acontecer,

Ou ao menos avisado que ia me ferir,

Mas não acredito que você se importara, ou estou errada demais?

Eu só queria uma explicação das atitudes mais descoordenadas que presencie.

Eu queria poder dizer que estava bem,

Que eu, ao menos, entendia algo,

Mas nem isso consegui demonstrar.

Talvez calar,

Talvez chorar,

Mas não acredito que nada disso cure mais que o gritar.

O correr das cordas vocais fazendo tudo sarar,

Ou sangrar, se preferir.

(e os fantasmas me perguntam coisas….)

Aquele dia que estávamos na festa.

Você me viu.

Agimos como se havia amizade.

Como se fosse isso.

Nada mais.

Muito menos, menos.

E depois?

Tudo normal.

Dançar e cantar unidos.

Tem problema?

Não parecia.

Não parecia ter briga ou coisa que não soubéssemos um sobre o outro.

Parece tolo, mas era o que era.

Foi o que foi.

E agora.

Tudo acabou.

Depois. Tudo normal.

Não acredito ter ouvido sua voz após aquele dia.

Lembro, ao menos, da felicidade sentida por momentos de vozes se misturando, cantando as músicas bem conhecidas por ambos.

Após. Tudo sarou.

Talvez tenha havido por um de nós, uma ferida.

Não creio que tenha sido você.

Não creio que consegui sentir o que não queria demonstrar.

Não posso te dizer o que não sei explicar.

Olhando parece que tudo mudou, mas na verdade, é tudo a mesma coisa.

No lugar dela, era eu.

No meu lugar. É ela.

Você diz que não se curou.

Que meu espaço continua lá.

Qual o sentido?

Você diz que só precisamos de confiança.

Você que a quebrou.

Qual o sentido?

Você diz que o tempo nos aproxima.

Você não tem tempo.

Qual o sentido?

Talvez.

Só me reste uma dúvida,

Só reste um sussurro final, aos fantasmas….

No meio de tudo isso…..

Qual o sentido?

(foto: @e.twho)

Leave A Response

* Denotes Required Field